Sex, Sep 22, 2017
Acompanhe-nos

Alemanha simula janelas de vidro arrastadas pela água

Na instalação artística Aérial, o visitante é levado a interagir com painéis de vidro que parecem estar em movimento, sendo destruídos pela força da água.

O artista francês Baptiste Debombourg encontrou uma forma singular de expressar sua arte num mosteiro em Brauweiler, na Alemanha. Intitulada ‘Aérial’, a instalação artística simula o momento em que diversas janelas de vidro são destruídas pela força da água.


Concluída em abril de 2012, a obra demandou mais de 420 horas de trabalho e foram utilizadas 2 toneladas de vidro laminado estilhaçado.

De acordo com o artista, sua arte brinca com as ideias opostas de construção e desconstrução. “A destruição, assim como a construção, é uma expressão humana e um paradoxo da vida, porque isso pode ser ao mesmo tempo bom e ruim. Meu ponto de vista é que a destruição está inevitavelmente ligada ao reparo”, explica Debombourg.

Para os críticos, trata-se não apenas de um conceito artístico, mas de uma abordagem provocante que combina interatividade e arte num universo tridimensional.

Ler 1828 vezes
Avalie este item
(0 votos)