Qua, Dec 13, 2017
Acompanhe-nos

Quadra poliesportiva com LED no piso de vidro

Tecnologia alemã utiliza linhas de LED sob placas de vidro translúcido, permitindo alterar em segundos a marcação da quadra de acordo com a modalidade.

A empresa alemã ASB Systembau GMBH desenvolveu um moderno sistema em pisos de vidro para quadras poliesportivas. Batizada de ASB GlassFloor, a novidade utiliza linhas de LED sob placas de vidro translúcido, permitindo alterar em segundos a marcação da quadra de acordo com o esporte praticado.

A tecnologia foi testada pela primeira vez em 2007, revestindo o piso de uma quadra de squash ao ar livre, dentro de um navio de cruzeiro. A quadra foi montada com uma estrutura de alumínio suspensa, que serve de apoio para os painéis de vidro e para o sistema de iluminação embutido.


Mas o principal projeto especificado com o ASB GlassFloor foi um ginásio com 500 metros quadrados em uma escola na Alemanha. O piso transforma o espaço em uma quadra poliesportiva sem a poluição visual de todas as marcações.

Uma tela sensível ao toque permite a configuração das linhas de LED clicando sobre os ícones das modalidades: handebol, basquete ou vôlei, por exemplo.

O vidro, especificado com duas placas de vidro temperado e laminado, é beneficiado pela fabricante alemã Kinon Porz, parceira da Saint-Gobain Glass. Diversos testes de resistência garantem a durabilidade, elasticidade, brilho e atrito ideal das placas produzidas em medidas de 2×2 metros.

O material é submetido a vários tratamentos, conferindo à superfície do piso um acabamento cerâmico, capaz de eliminar o brilho do vidro e criar certa aspereza, com característica antiderrapante.

A cor do piso também pode ser alterada, pois é definida por um revestimento aplicado na face interna do vidro. Outra interessante aplicação da tecnologia seria no campo publicitário. Mensagens ou até mesmo vídeos publicitários poderão ser exibidos através de painéis de LEDs instalados sob o piso.

Os engenheiros da companhia alemã agora estudam uma maneira de reduzir o “coeficiente de restituição” do piso de vidro. Por ser mais elástico do que os pisos de madeira, o vidro acelera a velocidade da bola e faz com que ela atinja alturas superiores após tocar o piso.

Ler 2258 vezes
Avalie este item
(0 votos)

SFbBox by diaita

Novidades Blog Vidros